Serviço de Limpeza de Sangue – A Importante Limpeza Pós-morte

Se a sua casa, empresa ou outro espaço, tiver sido o local onde ocorreu uma morte violenta por um crime cometido (homicídio) ou suicídio, morte natural (decomposição) ou um acidente, que tenha deixado vestígios de sangue ou outros fluidos corporais, certamente estará com urgência para “apagar” os sinais visíveis e todos os vestígios do evento que ocorreu.

Os riscos de saúde que estes fluidos (sangue, entre outros) representam, provavelmente não estão entre os primeiros pensamentos de um familiar ou amigo da vítima, na sequência de uma experiência tão traumática que é a morte de um ente querido de uma forma tão inesperada e por vezes violenta.

Uma simples limpeza, recorrendo a métodos e produtos domésticos normais não é suficiente. Para tornar o local novamente seguro, é imperativa uma limpeza e desinfeção minuciosa, ao pormenor, algo só alcançável se contratar uma empresa especializada e profissional como a DEATHCLEAN, a única entidade acreditada e legalizada em Portugal, para a execução deste tipo de serviços de limpeza de locais após ter ocorrido uma morte. A nossa empresa é uma entidade privada, legalizada e com experiência de mais de 13 anos na área, fornecendo um serviço profissional de tratamento de locais onde ocorreu uma morte, na limpeza de sangue, outros fluidos corporais e de todos os vestígios deixados pela morte.

Eis o que necessita de saber sobre a razão pela qual é tão importante tomar cuidadas medidas na limpeza do sangue e em como as equipas de limpeza e desinfeção especializadas da DEATHCLEAN podem ajudar.

Porque razão os serviços especializados de limpeza de locais de morte, com vestígios de sangue, são tão importantes?

Há uma razão importante, que por si só já justifica contactar uma empresa experiente e acreditada para a limpeza de locais pós-morte (locais de crime e trauma), que está acima de todas as outras razões: Os fluidos corporais, como o sangue e outros, podem conter agentes biológicos patogénicos, tais como o vírus da Hepatite e do HIV.

Como é impossível identificar que tipos de patogénicos perigosos podem estar presentes no sangue ou em outros fluidos corporais encontrados nos locais pós-morte (post mortem), devem ser tomadas todas as precauções com o pressuposto de que os patogénicos estão presentes. A simples limpeza do sangue visível, tal como a utilização de lixívia doméstica ou de outros produtos convencionais, não é suficiente para assegurar que todos os vestígios de risco biológico foram removidos e nem garante a desinfeção. De acordo com os Institutos Nacionais de Saúde, não só de Portugal, como de outros países a nível mundial, alguns agentes patogénicos (vírus, bactérias e fungos) perigosos e transmissores de infeções ou doenças mortais, podem sobreviver durante meses e permanecer como uma fonte de transmissão se a área não for devidamente desinfetada.

As nossas equipas profissionais de limpeza de locais após a morte (pós-morte/post mortem), possuem técnicos com extensa formação na desinfeção de espaços onde o sangue e outros fluidos corporais estão presentes. Uma limpeza adequada do sangue requer um vasto conjunto de competências e conhecimentos, incluindo a capacidade de inspecionar com exatidão o local contaminado, avaliar com precisão os perigos, utilizar equipamento de proteção individual adequado, remover e eliminar com segurança os resíduos de risco biológico, bem como muito mais. Os nossos técnicos avançados para intervenção em locais de risco biológico, a nossa unidade de intervenção, possuem toda a formação e experiência necessária, assegurando assim que o local seja completamente desinfetado, utilizando desinfetantes adequados e certificados, equipamentos, máquinas e métodos especializados.

Outra razão importante para deixar a limpeza destes locais post mortem para os profissionais, é a sua paz de espírito, não estar sujeito ao trauma, a mais um evento traumático, que é a limpeza de locais onde ocorreu uma morte. Não é apenas uma tarefa física muito desgastante, pois quando envolve a morte de alguém que conhece ou com quem se preocupa, ou quando um ato de violência ocorreu (mortes violentas), a limpeza do cenário pode ser uma experiência já de si muito traumática. Os nossos técnicos são profissionais peritos no seu trabalho, como também usam da máxima discrição e sensibilidade para ajudar cada cliente, vítima de uma situação traumática, que é a morte de um familiar ou ente querido.

Se houver sangue num local devido à ocorrência de um crime ou de uma outra morte violenta, estamos perante outro aspeto importante da limpeza profissional de locais após a morte (pós-morte ou post mortem). A cena de um crime não deve ser invadida até que os investigadores tenham concluído o seu trabalho e dado conhecimento oficial de que o fizeram, libertando assim o local para a posterior limpeza, desinfeção e remoção de todos os vestígios (sangue, fragmentos ósseos, pele, partes anatómicas do corpo, etc.) da trágica morte ocorrida. A nossa empresa irá sempre coordenar com as autoridades responsáveis pela investigação (PJ, PSP, GNR) do local e assegurará que a cena do crime possa ser tratada e limpa antes de iniciar o nosso trabalho. Além disso, poderá também haver pó de impressões digitais ou outros materiais deixados para trás e utilizados durante as perícias criminais ao local (ciências forenses), que podem também representar uma ameaça para a saúde humana e devem ser completamente removidos para deixar o local num estado seguro.

Tenha sempre em mente que as equipas de emergência, a polícia, os bombeiros ou outras entidades, não procedem a qualquer tipo de limpeza de locais contaminados após ter ocorrido uma morte, a sua missão não é essa. O ónus da limpeza do sangue, de outros fluidos e de todos os vestígios deixados no local após uma morte, recai inteiramente sobre o proprietário do espaço, que por vezes é a família.

Os serviços de limpeza da DEATHCLEAN:

Todos os nossos técnicos avançados para intervenção em locais de risco biológico, locais onde teve lugar uma morte (pós-morte/post mortem), trabalham rapidamente e eficientemente, mas o tempo necessário para a limpeza depende de uma série de externos fatores.

Nos casos em que o sangue é limitado a uma área muito pequena , e que passou muito pouco tempo entre a ocorrência do evento e a chegada da nossa equipa, o nosso processo de limpeza pode ser concluído em questão de horas, no mesmo dia. Mas há outras situações, contudo, que podem exigir vários dias de limpeza, tais como numa decomposição, onde o corpo esteve vários dias no local sem ser descoberto. Neste caso, o sangue e os fluidos corporais podem ter tido tempo de contaminar uma grande área, existindo uma grande contaminação de sangue e de outros fluidos no chão, mobiliário e outros objetos, bem como o intenso mau odor presente em todas as divisões, espaços, paredes e diversas superfícies. Esta situação pode exigir a remoção de um grande número de artigos e materiais. Os nossos técnicos sabem, com clareza e profissionalismo, onde localizar a contaminação oculta e como eliminar com segurança os materiais afetados pela contaminação biológica.

Se alguma vez for confrontado com a necessidade de limpeza de locais onde exista a presença de sangue, de outros fluidos corporais ou de quaisquer vestígios biológicos, locais onde ocorreu uma morte, seja ela violenta, natural ou acidental, recomendamos que não tente efetuar a limpeza, não se exponha ao risco físico e psicológico.

Estamos aqui para o manter a si e aos seus entes queridos em segurança e a salvo dos perigos da limpeza desses locais.

Saiba mais em : DEATHCLEAN